Pesquise no Grupo AVPH
loading...

Tartaruga baleia

Ocepechelon - AVPH Ocepechelon - AVPH Ocepechelon - AVPH Ocepechelon - AVPH


    A Tartaruga baleia (Ocepechelon bouyai) cujo nome "Ocepechelon" é uma homenagem a empresa de mineradora de fosfato OCP (Office Chérifien des Phosphates), responsável pelo apoio técnico da expedição que descobriu a tartaruga gigante. Era uma enorme tartaruga marinha que viveu há aproximadamente há 70 milhões de anos atrás durante o final do período Cretáceo (idade Maastrichtiana), no Marrocos.


    Foi um dos quelônios marinhos mais estranhos que já existiram, possuía uma enorme cabeça de aproximadamente 70 centímetros de comprimento e 43 centímetros de largura, com uma boca desdentada enorme com formato de tubo, para succionar seus alimentos, de forma similar as atuais baleias de bico desdentadas. Outro aspecto que as tornavam mais similares as baleias é o posicionamento das narinas, que ao invés de estarem na extremidade frontal da cabeça logo acima da boca, elas estavam posicionadas entre os olhos. Eram parentes da atual Tartaruga gigante de couro e possuíam também um enorme casco coreáceo que podia atingir 3,0 metros de comprimento de carapaça, 4,5 metros de comprimento total e pesar cerca de 900 quilogramas. Uma espécie muito próxima a elas era a Alienochelys (Alienochelys selloumi), encontrada junto no mesmo local e formação rochosa.

    Esta espécie viveu durante o final do período dos dinossauros e pode ter se extinguido juntamente com eles durante o evento de extinção em massa que ocorreu no final do peíodo Cretáceo.

    Seus restos fósseis (holotipo OCP DEK/GE 516) compostos por um crânio bem preservado, entre outros, foram descobertos em 2013 por uma equipe francesa (Département Histoire de la Terre, Muséum National d’Histoire Naturelle, Paris, France) e marroquina (Cadi Ayyad University, Faculty of Sciences Semlalia, Department of Earth Sciences, Vertebrate Evolution and Palaeoenvironnements, Marrakech, Morocco) de paleontólogos, formada por Nathalie Bardet, Nour-Eddine Jalil, France de Lapparet de Broin, Damien Germain, Olivier Lambert e Mbarek Amaghzaz (Office Chérifien des Phosphates, Centre Minier de Khouribga, Khouribga, Morocco). A descoberta ocorreu na área conhecida como Sidi Daoui, pertencente a Grand Daoui, no nordeste de Oulad Abdoun, que fica próximo a cidade de Oued Zem, na Provincia Khouribga, Marrocos.

Dados do Quelônio:
Nome Comum: Tartaruga baleia
Nome Científico: Ocepechelon bouyai
Época: Cretáceo
Local onde viveu: Marrocos
Peso: Cerca de 900 quilogramas
Tamanho: 3,00 metros de comprimento de carapaça
Alimentação: Onívora

Classificação Científica:
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Sauropsida
Ordem: Testudines
Subordem: Cryptodira
Superfamília: Chelonioidea
Família: Dermochelyoidae
Gênero: Ocepechelon
Espécie: Ocepechelon bouyai Bardet et. al., 2013.

Paleoarte:
- .

Referências:
- Bardet, Nathalie, Nour-Eddine Jalil, France de Lapparet de Broin, Damien Germain, Olivier Lambert, and Mbarek Amaghzaz (2013) A giant chelonioid turtle from the Late Cretaceous of Morocco with a suction feeding apparatus unique among tetrapods. PLOS One DOI: 10.137/journal.pone.0063586.



loading...
loading...
   ® Atlas Virtual da Pré-História - AVPH.com.br | Conteúdo sob Licença Creative Commons | Política de Privacidade | Termos de Compromisso | Projeto: AVPH Produções
    Obs.: Caso encontre alguma informação incoerente contida neste site, tenha alguma dúvida ou queira alguma informação adicional é só nos mandar um e-mail. Tenha uma boa consulta !!!.