Pesquise no Grupo AVPH
loading...

Sahelanthropus tchadensis

Sahelanthropus - AVPH Sahelanthropus - AVPH


      O Sahelanthropus tchadensis cujo nome lembra o local onde foi descoberto Chad, viveu há aproximadamente 6 a 7 milhões de anos atrás durante o Mioceno na região da África central que limita o Saara ao sul.
      Essa espécie foi apelidada de "Toumai" ("esperança de vida" na linguagem local) e foi descrito em 2002 pelo paleontologista francês Michel Brunet e sua equipe, com base num crânio amassado e distorcido, que pode ser o mais antigo da linhagem humana e talvez representando o "elo perdido" que separou a linhagem humana da linhagem dos chimpanzés. Foi colocado provisoriamente na linhagem dos hominídeos por causa de seu dente canino relativamente pequeno, que é desgastado na ponta. Em contraste, os caninos de macacos são grandes, projetados para fora e permanecem afiados ao longo de toda a vida. Muitos fósseis de outros animais foram recuperados no mesmo local, sugerindo que o habitat, um deserto seco hoje, era então um lago luxuriante, com extensas florestas em torno dele.
      Esta descoberta mudou o conceito que tínhamos da evolução humana, que se pensava iniciar com o gênero Australopithecus. Os Sahelanthropus possuíam um volume cerebral variando entre 320 cm³ a 380 cm³, semelhante a dos atuas chimpanzés.
      O bipedalismo é um dos mais importantes diagnósticos que caracterizam os humanos e seus ancestrais. A posição do foramen magnum (latim para "grande buraco") logo abaixo do cérebro é um traço que indica andar sobre duas pernas, devido as saídas da medula espinhal do crânio através deste grande abertura. No crânio de Toumai o foramen magnum parece ser posicionado bastante à frente na base do crânio. Brunet interpretou isso como uma indicação de locomoção bipedal no Sahelanthropus. Infelizmente, sem nenhum osso fóssil do esqueleto pós-craniano, sua locomoção não pode ser determinada.
       Os cumes da testa muito grande de Toumai são inesperados, esta característica não aparece nos ancestrais humanos até o Homo erectus, cerca de 5 a 6 milhões de anos mais tarde. A planicidade relativa das características faciais é também inesperada. Ambos os macacos e hominídeos como os Australopitecos são caracterizados por possuírem faces projetadas. Com sua mistura de características primitivas, incomuns e avançadas, Toumai nos dá um vislumbre do início da história da linhagem humana. No entanto, se ele pertence a nossa Família ou a de macacos não pode ser definitivamente estabelecida até mais fósseis serem encontrados.

Dados do Primata:
Nome: Sahelanthropus tchadensis
Nome Científico: Sahelanthropus tchadensis
Época: Mioceno
Local onde viveu: África
Peso: Cerca de 30 quilogramas
Tamanho: 1,3 metros de altura
Alimentação: Onívora

Classificação Científica:
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Ordem: Primates
Subordem: Haplorrhini
Superfamília: Hominoidea
Família: Hominidae
Subfamília: Homininae
Gênero: Sahelanthropus
Espécie: Sahelanthropus tchadensis Brunet et al., 2002.

Referências:
- http://www.becominghuman.org/node/human-lineage-through-time.
- BEAUVILAIN Alain. "Toumaï, l'aventure huamine". Paris: La Table Ronde, 2003. - Toumai, 16 de Setembro de 2011 http://toumai.voila.net/
- http://humanorigins.si.edu/evidence/human-fossils/species/sahelanthropus-tchadensis

Paleoarte:
- John Gurche - based on "Toumai", fossil TM 266-01-060-1.



loading...
   ® Atlas Virtual da Pré-História - AVPH.com.br | Conteúdo sob Licença Creative Commons | Política de Privacidade | Termos de Compromisso | Projeto: AVPH Produções
    Obs.: Caso encontre alguma informação incoerente contida neste site, tenha alguma dúvida ou queira alguma informação adicional é só nos mandar um e-mail. Tenha uma boa consulta !!!.