Angaturama

    O Angaturama cujo nome significa " Nobre " em tupi, viveu há aproximadamente 110 milhões de anos atrás durante o período Cretáceo no Brasil, nas regiões próximas da Chapada do Araripe, no Ceará, o Angaturama era um dinossauro de porte médio e alimentava-se de peixes. Foi classificado como uma forma brasileira do grupo Spinosauridae, muito encontrado na África.
    Tinha o crânio comprido e achatado lateralmente, e, ao contrário da maioria dos carnívoros, possuía as narinas na parte de trás da cabeça, em frente aos olhos. Outro traço que o destacava era a crista na frente do crânio, seus restos fósseis são muito escassos por isso o tamanho e outras características da espécie são baseadas em outros espinossaurídeos.

Dados do Dinossauro:
Nome: Angaturama
Nome Científico: Angaturama limai
Época: Cretáceo
Local onde viveu: Brasil
Peso: Cerca de 500 quilos
Tamanho: 5 metros de comprimento
Alimentação: Carnívora